Devocional: Como lidar com a decepção

“Esqueçam o que se foi; não vivam no passado” (Isaías Leia mais »

 

Morre em SP o missionário Davi Miranda, líder da Igreja Deus é Amor

Missionário Davi Miranda

Missionário Davi Miranda

O missionário David Martinas Miranda, fundador da Igreja Pentecostal Deus é Amor, morreu aos 79 anos no final da noite de Sábado (21). Ele sofreu um infarto. A informação foi divulgada oficialmente na rede de rádio mantida pela denominação.

A Igreja Deus é Amor foi fundada em junho de 1962, por Davi Miranda, e hoje possui mais de onze mil templos espalhados pelo Brasil e outro 136 paises.

Uma das filhas do missionário Débora Miranda diretora da igreja, lamentou a morte do pai numa postagem no Facebook:

“Um homem guerreiro..lutador…é recolhido ao paraíso de Deus!! Descansa no Senhor…o Missionário David Miranda!! Meu paizinho …te amarei pra sempre!!!”

O site oficial da denominação divulgou a Nota de falecimento abaixo:

“É com muito pesar que a Igreja Pentecostal Deus é Amor notifica que o miss. David Miranda, homem muito amado, caridoso, amoroso, responsável, temente, querido, usado e fiel a Jesus Cristo, faleceu no dia 21 de fevereiro de 2015, às 23h45, com 79 anos, de infarto.

Miss. David Miranda era casado com a irmã Ereni Miranda, pai de quatro filhos (David, Débora, Leia e Daniel), além de netos. Ele aceitou a Jesus em 1958, daí em diante, a dedicação a Deus foi diariamente, até ouvir a voz dEle para fundar a IPDA: ‘Igreja Pentecostal Deus é Amor’.

Dia 03 de junho de 1962, ele fundou a IPDA, através da revelação do Espírito Santo, uma igreja que cresceu grandemente, tendo hoje mais de 22 mil igrejas espalhadas no Brasil e no mundo, aproximadamente. Ademais, o ‘ Templo da Glória de Deus’ (capacitado para receber 60 mil pessoas, com estacionamento para 500 automóveis e 143 ônibus) é uma de suas conquistas.

A tristeza está por causa da notícia de um homem de Deus que partiu. Um homem cujas lembranças sempre serão de fé, amor, dedicação na obra do Senhor, entre outras qualidades notórias. Entretanto, a felicidade é em saber que ele está perto do que vive para todo o sempre: Jesus Cristo. Os dias dele foram, especialmente, para adorar e buscar a Deus, ganhando almas ao Seu Reino. De fato, ele deixa vários exemplos: de pai, de esposo, de vô, de amigo etc. Soube ouvir, falar, aconselhar, pregar e conquistar.

Notificamos também que o culto fúnebre iniciou-se às 08h, do dia 22 de fevereiro de 2015, no Templo de Glória de Deus, localizado na Av. do Estado, 4.568. Neste momento, pedimos que nossas orações e sentimentos sejam dedicados para a família do missionário e aos membros por esta perda; para que Deus conforte os corações”.

A Terra está parada e o Sol gira em volta dela, diz líder muçulmano

Sheik Bandar al-Khaibari da Arábia Saudita

Sheik Bandar al-Khaibari da Arábia Saudita

Quando se comemoram os 451 anos do nascimento de Galileu Galilei, astrônomo que defendeu o heliocentrismo, um sheik saudita deixou os estudantes boquiabertos com a sua teoria.

A Terra não anda à volta do Sol e está, na verdade, parada. Foi esta a teoria apresentada pelo sheik Bandar al-Khaibari, numa palestra para estudantes numa universidade dos Emirados Árabes Unidos no domingo. O líder religioso saudita acredita precisamente naquilo que Nicolau Copérnico e Galileu Galilei tiveram de contrariar há cerca de 500 anos, quando a teoria do geocentrismo colocava a Terra imóvel no centro do universo.

Com o heliocentrismo mais do que comprovado cientificamente, quando se comemoram precisamente 451 anos do nascimento do astrónomo italiano Galileu Galilei (a 15 de fevereiro de 1564), o sheik saudita foi à universidade dizer que se a Terra se movesse os aviões não poderiam nunca chegar ao seu destino.

No vídeo colocado no Youtube, ouvem-se as explicações deste líder religioso muçulmano. Recorrendo a um copo de água, ele tenta demonstrar que, se a Terra girasse, um avião que partisse do emirado de Sharjah em direção à China nunca chegaria ao seu destino visto que a própria China estaria a deslocar-se. E, se a Terra girasse em sentido contrário, defende ele, bastaria ao avião parar no ar para alcançar o destino.

No vídeo, enquanto sheik Bandar al-Khaibari fala não se ouve qualquer reação àquilo que defende, mas a teoria por ele apresentada, e noticiada pelo Al Arabiya, tem dado que falar. Até porque esta não é a primeira vez que este clérigo muçulmano se mostra pouco crédulo em relação a factos científicos. Anteriormente, segundo o Al Arabiya, já havia dito que o homem nunca foi à Lua. (Fonte: DN Globo)

Programa da Globo zomba de pastores em “Galinha Preta Convertidinha”

“Quando quer mais dinheirinho, compra um horário na televisão”, diz parte da musiquinha sarcástica 

Um cão, uma galinha e uma ovelha na sátira

Um cão, uma galinha e uma ovelha na sátira

O segundo episódio da nova temporada de “Tá no Ar”, na última quinta-feira (19), pode ser encarado de várias formas como um marco divisório por parte da Globo: nunca um programa da emissora debochou tanto de religiões e, especialmente, da figura dos evangélicos e seus pastores.

A cena que certamente irá “causar” no mundo gospel foi o quadro da Galinha Preta Convertidinha, irmã do sucesso da primeira temporada, a Galinha Preta Pintadinha. Nesse quadro, criancinhas supostamente evangélicas estão assistindo à TV quando começa um comercial sobre o boneco da Convertidinha, agora à venda. Um pastor é representado como um cachorro pastor alemão (usando terno).

“Ir pro inferno é fogo / A Verdade é Universal / Cuidado com a Hora/ do Juízo Final”, diz o jingle do “comercial” infantil. “Ela vai cantar bem alto no seu ouvido”, continua o quadro sarcástico, enquanto as crianças imploram: “Ah, compra mãããe!!”

Então surge o pastor alemão pregando sob o tema do pintinho amarelinho.

“Meu pastor é animadinho/ Canta e Dança de Montão/ De Montão/ Quando quer mais dinheirinho/ Compra um horário na televisão”.

Mais direto, impossível.

No Brasil, porém, especialmente na TV, religião sempre foi tratada como um tabu.

Nesse sentido a Globo dá decididamente um passo à frente da autocensura. E não só em relação à religião.

O “Tá no Ar” deve causar forte reação. Especialmente se continuar a tripudiar sobre a religião evangélica. Vamos ver apenas se o programa –e a Globo– terão coragem de romper mais limites e provoquem, com o mesmo humor, interesses ainda maiores que apenas o dos evangélicos, por exemplo. (Com informações Ricardo Feltrin, colunista do UOL e adaptações de Paulo Teixeira).

COMENTÁRIO:

A Globo nunca foi fã dos evangélicos. Não é novidade alguma a sua atitude de deboche em relação ao esse segmento religioso.

Anos atrás houve uma tentativa de ‘conversão’ forçada da Globo, que juntamente com empresários do mundo gospel, tentaram alavancar o Festival Promessas em âmbito nacional, mas não demorou muito para ir por água abaixo. Foi um insucesso, permanecendo apenas alguns festivais regionais.

Todavia, apesar do episódio ser um desrespeito aos evangélicos de uma forma geral, acabou expondo algo que deixa bastante envergonhado o segmento evangélico: as desavenças entre alguns líderes evangélicos.

Isto ficou patente na parte final do jingle do “comercial”, quando o locutor diz “o DVD da Galinha Convertidinha é vendido separadamente da Galinha Preta Pintadinha por que elas são da mesma família, mas não se bicam“. Isto foi um tapa em muita gente que, ao invés de usar o precioso e caro horário televisivo para pregar o Santo Evangelho, muitas vezes usam-no para expressarem discórdias pessoais, escandalizando o Nome de Cristo.

É bom sempre lembrar que ninguém será tratado como inocente no Dia do Juízo Final. Se usam mal e indevidamente o espaço que o Senhor lhes deu para pregarem a Palavra, darão conta disto.

Vejamos o que escreveu Lucas no capítulo 12.48b:

“A quem muito foi dado, muito será exigido; e a quem muito foi confiado, muito mais será pedido”.

Quem quiser ver o programa zombeteiro completo para tirar suas próprias conclusões, clique aqui

Crise hídrica: Pezão busca aconselhamento no espírito do ‘cacique cobra coral’

Pezão na inauguração do Templo de Salomão da IURD, meses antes de iniciar os ataques à denominação

Pezão na inauguração do Templo de Salomão da IURD, meses antes de iniciar os ataques à denominação no horário eleitoral

Luiz Fernando Pezão, governador do Rio de Janeiro assegurou à Revista ÉPOCA que racionamento e rodízio são palavras do passado.

A convicção de Pezão é transcendental, isto porque a médium espírita Adelaide Scritori, a pedido de Pezão, consultou o espírito do cacique cobra coral.

A médium Adelaide lidera a entidade Cacique Cobra Coral e afirma incorporar o espírito do cacique. Para ela, o cacique seria um meteorologista sobrenatural com capacidade para segurar uma tempestade aqui ou mandar para outro lugar.

De acordo com a ÉPOCA, após a consulta feita por Pezão, no documento que lhe foi enviado no dia 28 de janeiro, o espírito garantiu que “tudo o que faltou em dezembro e janeiro virá em fevereiro, março e abril”.

Ainda, conforme a reportagem, Pezão teria sido alertado pelo cacique que até junho há o risco de chover, em apenas um dia, a quantidade esperada para um mês inteiro. “É preciso ficar alerta para o excesso de precipitação numa mesma localidade, como a zona norte”, teria avisado a entidade Cacique Cobra Coral ao governador.

Pezão recebe com regularidade os informes emitidos pelo espírito, segundo a matéria da ÉPOCA. Esta também revelou que a relação de Pezão com o espírito do cacique é antiga. Vem desde 1997, quando Pezão era prefeito do município de Piraí, interior do estado do Rio de Janeiro.

No domingo, dia 8 de fevereiro, a médium Adelaide sofreu um acidente de carro na cidade de Paraibuna, em São Paulo. Ela vinha de Minas para o Rio de Janeiro, acompanhando o curso do rio Paraíba do Sul para avaliar, in loco, o nível dos reservatórios. O carro onde estava capotou três vezes e caiu no rio. Adelaide só teve escoriações leves. “Ela estava vendo tudo para informar ao cacique”, disse Pezão, que conecta seu celular para mostrar algumas fotos do acidente. Cair no rio não seria um mau sinal? “Não! Já está tudo certo, vai voltar a chover”, afirmou o confiante governador. (Com informações da Revista Época).

COMENTÁRIO:

Lastimável o entrelaçamento de entes públicos com os espíritos.

Diante de tal fato, pergunta-se “onde estão os ‘profetas Elias’ desta geração” ? Aqueles mesmos – líderes e cantores gospel, alguns de proeminência nacional – que foram para o horário eleitoral pedir votos para o Pezão. Gente que inclusive jogo baixo.

Um dos líderes – conhecido nacionalmente por meter-se em política – chegou a mergulhar numa vergonhosa guerra fratricida contra a IURD, tanto no horário eleitoral, como pelas redes sociais, visto que o candidato concorrente de Pezão, o senador Marcelo Crivella, pertence à denominação.

Onde estão agora os covardes? Estão em silêncio profundo e não esboçam reação alguma de repúdio?

Lamentável.

Fato é que o controle do tempo está nas mãos do Deus verdadeiro, criador dos céus e da Terra e não de espírito enganoso algum.

Aquele que por meio do profeta Amós disse:

Além disso, retive de vós a chuva quando ainda faltava três meses para a ceifa; e fiz que chovesse sobre uma cidade, e não chovesse sobre a outra cidade; sobre um campo choveu, mas o outro, sobre o qual não choveu, secou-se” (Am 4.7).

Decapitação dos cristãos egípcios pelo Estado Islâmico. Governo brasileiro substitui a palavra ‘cristãos’ por ‘trabalhadores’ ao emitir mensagem de repúdio

Terroristas do EI conduzindo os cristãos do Egito para decapitá-los

Terroristas do EI conduzindo os cristãos do Egito para a decapitação

O governo brasileiro repudiou neste domingo (16/02) o assassinato de 21 egípcios pelo EI (Estado Islâmico). O grupo jihadista divulgou ontem (15) um vídeo que mostra a decapitação dos cristãos egípcios que foram sequestrados na cidade de Sirte, no Norte da Líbia. A gravação mostra os 21 homens  alinhados em uma praia com as mãos nas costas, antes de serem decapitados.

Na nota abaixo transcrita, o governo brasileiro substituiu a palavra ‘cristãos’ por ‘trabalhadores’.

“O Brasil manifesta sua indignação diante do brutal assassinato de 21 trabalhadores egípcios, alegadamente em território líbio, por membros do grupo autodenominado Estado Islâmico. A intolerância religiosa e o recurso à violência política merecem o mais veemente repúdio do governo e do povo brasileiro”.  (UOL)

COMENTÁRIO:

O governo brasileiro sabe que as mortes se deram exclusivamente por questão religiosa, pois na própria mensagem postada no vídeo, pelo  ISIS, tem a  seguinte legenda: “O povo da cruz, os seguidores da igreja egípcia hostil”. 

Na mensagem, a troca de ‘cristãos’ por ‘trabalhadores’ foi proposital.  

Recordemos que em 2012 a presidente do Brasil fez um discurso na ONU e pediu o fim da islamofobia. Em suas palavras, sequer citou a palavra cristãos, ignorando completamente o massacre que esse segmento religioso sofre ao redor do planeta.

Em 2014, também na ONU, a presidente brasileira criticou o bombardeio feito pelos EUA aos terroristas do Estado Islâmico.

Portanto, não é novidade alguma que o governo brasileiro não se manifeste ante à crescente onda cristofóbica mundo afora. 

Na verdade, o PT só lembra dos cristãos (e somente os brasileiros) em época de eleição.

Uma vergonha!

‘Guerrilhas cristãs’ se formam no Iraque e Líbano para enfrentarem o Estado Islâmico

Milícias cristãs se preparam para enfrentar o ISIS

Milícias cristãs se preparam para enfrentarem o ISIS

Milhares de estrangeiros têm ido ao Iraque e Síria nos últimos dois anos, a maioria para se juntar ao Estado Islâmico (ISIS), mas alguns ocidentais idealistas também estão se alistando às milícias cristãs que se formaram para enfrentarem o ISIS, citando a frustração de que seus governos não estão fazendo mais para combater os Islamistas ultra-radicais ou prevenir o sofrimento de inocentes.

Uma das milícias cristãs chama Dwekh Nawsha – que significa auto sacrifício em aramaico, idioma antigo de Cristo e ainda usado por cristãos assírios, que se consideram o povo indígena do Iraque.

Um mapa na parede do escritório do partido político Assírio afiliado com a Dwekh Nawsha marca as cidades cristãs ao norte do Iraque, desdobrando-se ao redor da cidade de Mosul.

A maioria está agora sob controle do Estado Islâmico, que conquistou Mossul no verão passado e lançou um ultimato aos cristãos: paguem impostos, convertam-se ao Islã, ou morram pela espada. A maioria deixou o país.

Cristãos no Líbano também estão formando grupos armados para se protegerem das ameaças do Estado islâmico. Após tomar partes do Iraque e da Síria, a organização terrorista já fez ações no país vizinho. Soldados libaneses foram sequestrados e decapitados, além do surgimento de ameaças pichadas em locais de culto.

O jornal libanês Daily Star informou que as mensagens ameaçadoras foram pintadas com spray na semana passada em duas igrejas de Trípoli (segunda maior cidade do país) . Elas diziam: “Viremos para matar vocês, adoradores da cruz”, e “O Estado islâmico quebrará a cruz”. Há notícias de cruzes sendo queimadas na região e igrejas sendo vandalizadas. Cresce o medo entre os cristãos, que são minoria, cerca de 35% da população.

A Associated Press relatou que os cristãos nas cidades fronteiriças de Qaa e Ras Baalbek têm organizado “esquadrões de defesa” para proteger-se do Estado Islâmico e outros grupos extremistas que lutam na Síria. Eles afirmam que estão prontos para resistir e não permitir que ocorram em seu território os sequestros, crucificações e decapitações que ocorreram em outros países.

“Nós todos sabemos que se eles vierem, cortarão nossas gargantas”, disse um morador empunhando sua arma. O líder Suleiman Semaan afirma: “Não queremos atacar ninguém, mas não queremos que ninguém nos ataque”.

O influente político cristão Samir Geagea fez um apelo que os cristãos não peguem em armas. Embora classifique o Estado Islâmico de “tumor canceroso”, lembrou que entre 1975 e 1990 o Líbano foi terrivelmente afetado pela guerra civil entre cristãos e muçulmanos.

Os militantes jihadistas do EI fizeram incursões em território libanês no mês passado, mas não conseguiram entrar no país. Sequestraram soldados, que acabaram mortos. O governo já afirmou que está preparado para revidar, caso hajam novos ataques, mas é difícil controlar os muçulmanos libaneses simpatizantes do EI. Uma coalizão de igrejas cristãs do Líbano fez um apelo às autoridades religiosas muçulmanas para que proíba ataques contra os cristãos e outras minorias no país. Ainda não receberam uma resposta oficial. Com informações Yahoo, Exame e RadioVox

Muçulmanos matam pastor que abriu escola gratuita para 400 crianças na Nigéria

pastor nigeriaUm pastor muito popular na Nigéria, principalmente por seu intenso trabalho social, foi morto à caminho do serviço pastoral por líderes muçulmanos, provavelmente ligados ao grupo terrorista Boko Haram.

O Pastor Joshua Adah, que fundou e operou uma escola de ensino gratuito a mais de 400 crianças na aldeia de Bantaje, foi vítima da ira de muçulmanos pertencentes ao grupo Fulani, os mesmos que atacaram as comunidades cristãs da Nigéria no último mês.

Depois de participar de um evento evangelístico, o seu carro de Adah quebrou e ele teve que encostar na beira da estrada. Depois chamar o mecânico, que não conseguiu concertar o automóvel, Adah pediu para que o ajudante buscasse um reboque. Ao retornar, o mecânico não conseguiu encontrar Adah. Após uma longa busca, o mecânico encontrou o corpo morto do pastor.

“Eu não sei por que Deus permitiu que Boko Haram tirasse sua curta vida. Mesmo quando isso se tornou perigoso, ele se recusou a parar, e continuou pregando Cristo nas aldeias, onde muitos não vão”, disse a esposa de Adah.

“Ele compartilhou seus poucos recursos com os pobres. Ele mostrou o amor a eles. Sua casa era deles. Eu não posso manter as lágrimas”, disse a esposa. “Eu me lembro de todas as vezes que ele orou comigo e me incentivou. Eu me sinto tão abalada!”. (CPAD)

PL de Jean Wyllys para legalização da maconha foi arquivado

Deputado  Jean Wyllys

Deputado Jean Wyllys

Foi arquivado no dia 31 de janeiro de 2015  o Projeto de Lei 7270 de autoria do deputado federal Jean Wyllys (PSOL/RJ)  que visava anistiar todas as pessoas presas, processadas ou indiciadas por tráfico de maconha, além da legalização desta droga.

Um verdadeiro absurdo!

COMENTÁRIO:

O bem venceu e esse esse projeto foi para a lixeira.

O arquivamento é mais uma vitória da sociedade brasileira que em sua maioria esmagadora é contrária à legalização de qualquer tipo de droga. O ex-BBB Jean Wyllys sequer informou aos seus seguidores nas redes sociais, como também aos seus eleitores, mais essa sua derrota. Manter os lacaios desinformados, ante a uma derrota, já é prática recorrente dele. Só reage e solta o verbo quando não consegue mais esconder. 

Ex-muçulmano é interrogado por onze horas por ter se convertido ao cristianismo, no Marrocos

CRISTÃO MARROQUINONo dia 18 de janeiro, na cidade marroquina de Fez, um cristão foi preso por ter se convertido do islamismo para o cristianismo. A informação é da Associação Marroquina dos Direitos Humanos (AMDH), citada pela revista Telquel. O cristão foi abordado por dois policiais na estação de trem da cidade.

De acordo com um representante da AMDH, os policiais fizeram uma série de perguntas, enquanto revistavam sua mochila, na qual encontraram uma Bíblia e outros livros relacionados ao cristianismo. Suspeito de proselitismo, o homem foi levado à delegacia de polícia para ser interrogado.

A mesma fonte acrescentou que o homem foi liberado após 11 horas de interrogatório. Perguntaram-lhe principalmente acerca de suas crenças, seus deslocamentos e da organização que paga por suas viagens.

A Constituição marroquina garante a liberdade religiosa, mas qualquer tentativa de abalar a fé de muçulmanos é punida de acordo com as leis do país.

Em conformidade com o artigo 220 do Código Penal marroquino, quem pratica o proselitismo (pregação do evangelho) pode enfrentar de “seis meses a três anos de prisão e uma multa de 100 a 500 dirhams” (aproximadamente de 26,00 a 136,00 reais) por fazer uso de “meios de sedução, a fim de converter” um muçulmano “a outra religião, quer através da exploração de sua fraqueza ou suas necessidades, ou usando para isso fins de educação, saúde, asilos e orfanatos”.

Louve a Deus pela libertação deste irmão. Ore para que ele não se sinta intimidado em pregar o evangelho e que sua prisão não tenha consequências para os outros cristãos no país. A Igreja no Marrocos conta com o seu apoio em oração. (Fonte: CPAD)

Cristã secreta da Árabia Saudita escreve poema sobre seu encontro com Jesus

Arabia SauditaMesmo com todas as dificuldades para praticar a sua fé, uma cristã secreta no país escreveu acerca do seu relacionamento com Deus e do momento em que descobriu Jesus como seu amigo e salvador.

A situação dos cristãos na Arábia Saudita é bastante séria e o extremismo islâmico tem feito diversas vítimas ao longo dos anos. As restrições do governo sobre a liberdade religiosa, em geral, são muito elevadas e, por conta da forte influência do fundamentalismo islâmico, quem escolhe servir a Jesus deve fazê-lo em segredo.

Diante de todo esse contexto, como uma cristã na Arábia Saudita enxerga Jesus? Leia a seguir.

Ele habitou no mais profundo do meu coração
Eu enxerguei sua luz de longe
por trás das montanhas
por trás do horizonte

Ele se levantou como a radiante luz de uma manhã cheia de alegria
Ele se levantou dentro da minha alma tão cheia de escuridão
minha alma perdida e confusa
minha alma que não conhecia o significado de “descanso”

No entanto, ele me visitou como a brisa suave
como a fragrância que emana das colinas
ele me visitou

Ele habitou no mais profundo do meu coração
e se estabeleceu lá dentro
Ele encheu minha alma com pureza, com vida

Ele é Jesus, gentil e compassivo
Jesus, a origem da minha alegria
Jesus, o refúgio da minha alma

Eu o adoro desde que o conheci,
e me apaixonei por ele
E como não poderia ser assim?
Pois ele me amou primeiro

Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16)

Fonte: Portas Abertas

Denúncia feita por Jean Wyllys contra ex-homossexual é arquivada pelo MP

Claudemiro Ferreira, o  palestrante

Claudemiro Ferreira, o palestrante

Dois palestrantes foram acusados pelo deputado Jean Wyllys de pregarem a “cura gay” e charlatanismo.

O palestrante, Claudemiro Ferreira, é ex-homossexual e foi ouvido nesta sexta-feira, 23, no Ministério Publico em Brasilia.

A Dra. Damares Alves informou que o promotor de Justiça decidiu pelo arquivamento da denuncia. Ferreira havia sido intimado enquanto realizava uma palestra para pastores com o tema: “homossexualismo”, ajudando, biblicamente, a tratar aqueles que desejam voltar ao padrão de Deus’.

Para o Ministério Público Claudemiro Ferreira não estava cometendo crime algum.

O Ministério Público Federal havia sido acionado pelo exBBB e ativista gay Jean Wyllys.

COMENTÁRIO:

A sociedade brasileira ganhou mais uma vez.

Viva a liberdade de expressão!

No RJ uma menina disse à família que iria a um show gospel e desapareceu

COMENTÁRIO:

Quem tiver alguma informação sobre a menina, favor entra em contato com este Blog.

Ana está desaparecida desde a segunda-feira, quando saiu de casa dizendo que iria a um show gospel no Parque Madureira, na Zona Norte do Rio

Ana está desaparecida desde a segunda-feira, quando saiu de casa dizendo que iria a um show gospel no Parque Madureira, na Zona Norte do Rio

Menina de 13 anos desaparece e família desconfia que ela fugiu com outro jovem

Adolescente saiu de casa, em Piedade, na segunda-feira, para um show gospel em Madureira e não foi mais vista

Rio – Desesperados com o sumiço da adolescente Ana Yaritza dos Santos Dias, de 13 anos, há três dias, familiares da estudante fazem buscas em hospitais, Unidades de Pronto Atendimento (UPA) e até em áreas de risco. A jovem saiu de casa em Piedade, na Zona Norte, por volta das 13h de segunda-feira, para um show gospel no Parque Madureira e não voltou mais. Parentes desconfiam ainda que Ana tenha saído de casa para fugir com outro jovem, que teria conhecido pela Internet. O caso foi registrado na 24ª DP (Piedade).

“Já fizemos buscas até em áreas de risco, como na Favela da Fazendinha e no Morro do 18, em Água Santa. Nem sabíamos que ela tinha facebook. Amigos disseram que ela teria um namoradinho, mas não sabemos se é verdade”, contou a prima da menina, Cristiane Dias de Souza, de 29 anos.

Cristiane diz que é a primeira vez que a adolescente não dá notícias sobre seu destino: “Ela nunca deixou de avisar onde estava. Saiu de casa sem bolsa de viagem. Estamos desesperados, pois pode ter acontecido algo grave”.

Ana teria dito para o pai que iria encontrar um amigo no Parque Madureira, onde haveria um show gospel e não foi mais vista. Segundo a família da adolescente, o telefone celular da estudante está desligado. Eles também contam que o amigo que ela iria encontrar não a viu.

“É uma menina tranquila. Queremos notícias. Estamos aflitos”, contou Cristiane.

Fonte: O Dia

Arábia Saudita aplica lei religiosa islâmica e decapita mulher

Sharia não é defendida apenas pelo Estado Islâmico

Arábia Saudita aplica lei religiosa e decapita mulher

Arábia Saudita aplica lei religiosa e decapita mulher

Um acontecimento do dia 12 de janeiro dá fortes indícios que o Estado Islâmico não é o único movimento muçulmano que defende a decapitação como forma de punição. Eles estão apenas levando a cabo o cumprimento da sharia – leis religiosas muçulmanas.

Um vídeo ganhou as redes sociais e causou grande polêmica. A gravação mostra autoridades da Arábia Saudita decapitando publicamente uma mulher na cidade de Meca, local mais sagrado da religião islâmica.

Laila Abdul Muttalib Basim, nascida em Myanmar, mas que residia na Arábia Saudita, teve sua cabeça cortada com golpes de espada após ter sido arrastada por quatro policiais pelas ruas. Ela era acusada de ter violentado sexualmente e matado sua filha de sete anos. O vídeo mostra a mulher gritando repetidas vezes “não matei, não matei” e pedindo clemência.

Um homem vestido de branco com uma espada ritual dá três golpes até dividir a cabeça do restante do corpo. O ministro do Interior da Arábia Saudita afirmou em comunicado que a sentença levava em conta a gravidade do crime. Segundo ativistas de direitos humanos, a prática vem crescendo no país. Foram 78 decapitações em 2013; 87 em 2014 e neste ano já chagaram a sete apenas em janeiro.

Um dos principais fornecedores de petróleo do mundo e importante parceiro comercial dos EUA, a Arábia Saudita geralmente não recebe o mesmo tipo de acusações de violação de direitos quanto outros países árabes. Segundo a lei vigente, vários crimes, incluindo homicídio, violação sexual, adultério ou assalto à mão armada podem ser punidos com pena de morte.

Os métodos mais comuns, são a decapitação e o apedrejamento. Também há casos em que o culpado é açoitado publicamente, como o caso recente do blogueiro Raif Badawi, sentenciado a mil chicotadas e 10 anos de prisão por ter criado um site onde defende o liberalismo, incluindo a diminuição da influencia da religião no país. Ele receberá chicotadas publicamente todas as sextas-feiras – dia sagrado no Islã – durante 18 meses, quando sua pena será completa.

Na Arábia Saudita não existe liberdade religiosa, as igrejas são proibidas e até mesmo carregar uma Bíblia é considerado crimeCom informações de Independent, via Gospel Prime

Primeiro Ministro da Inglaterra entende que religião pode ser insultada numa sociedade livre

David Cameron, primeiro ministro da Inglaterra

David Cameron, primeiro ministro da Inglaterra

COMENTÁRIO:

Criticar uma religião é bem diferente do que insultá-la.

Com esse discurso o Primeiro Ministro David Cameron acaba jogando lenha na fogueira daqueles que gostam de insultar religiões.    

No ano de 1989 o aiatolá Khomeini, líder religioso e dirigente do Irã, condenou à morte o escritor anglo-indiano Salman Rushdie, residente no Reino Unido, autor do livro “Os Versos Satânicos” que fazia críticas ao islamismo.

Khomeini disse que era dever dos muçulmanos do mundo inteiro tentar matar Rushdie e todas as pessoas envolvidas na publicação do livro, porque este fazia ofensas a Maomé e o Islamismo.  

Na ocasião uma recompensa de US$ 2,5 milhões foi oferecida pela fundação beneficente iraniana Khordad a quem matasse Rushdie e cerca de 500 iranianos também se dispuseram a vender um dos seus rins para financiar a execução.

Será que Cameron não conhece esse fato?

Em sociedade livre se pode insultar religião, diz Cameron  

O primeiro-ministro britânico David Cameron expressou seu desacordo com o Papa Francisco, que tinha dito que não se pode zombar da fé dos outros, informa The Independent citando o canal de televisão CBS.

Após o ataque à revista Charlie Hebdo em Paris, o Papa disse que ninguém pode insultar a religião dos outros e fazer divertimento da religião.

Em resposta ao Papa, David Cameron disse que em uma sociedade livre ninguém tem o direito de perseguir aqueles que ofendem seus sentimentos religiosos.

“Eu sou cristão. Se alguém disser algo insultante sobre Jesus, vou considerar isso ofensivo, mas em uma sociedade livre eu não tenho o direito de me vingar por isso”, disse Cameron.

Em 7 de janeiro de 2015, por volta do meio-dia, os irmãos Chérif e Said Kouachi, armados com armas automáticas, invadiram a sede da redação do jornal satírico Charlie Hebdo, situado no centro de Paris. Eles mataram 12 pessoas, entre os quais dez membros da equipe editorial e dois policiais. Pelo menos quatro pessoas foram feridas. Na noite de 11 de janeiro, o governo francês convocou uma Marcha Republicana em homenagem às vítimas do atentado e contra o terrorismo, que se tornou a maior manifestação pública do mundo reunindo quase um milhão e meio de pessoas, inclusive representantes oficiais de cerca de cinquenta países.

Fonte: Voz da Rússia

Missionários brasileiros são atacados no Níger após nova charge do Charlie Hebdo

Utensílios diversos da base missionária que foram destruídos por muçulmanos no Níger

Utensílios da base missionária que foram destruídos por muçulmanos em Niamey, no Níger

COMENTÁRIO:

Os ataques aos missionários evangélicos brasileiros se deram por muçulmanos que estão indignados com as provocações ao Islã feitas pelo jornal francês Charlie Hebdo.

Até o momento os dados atualizados são estes,  segundo informou nesta manhã uma das missionárias que estão no Níger: 45 igrejas evangélicas e 12 católicas foram atacadas, além escolas, bares e alguns restaurantes que também foram alvejados

Por serem alvos, os cristãos, a imprensa brasileira e internacional IGNORAM para não criar um clima de aversão ao islamismo em todo o mundo.

Parece que o lema é: proteja o islamismo. 

“Precisamos da ajuda dos brasileiros com urgência”, diz missionário que sofreu atentado no Níger

No último final de semana, os protestos contra as publicações mais recentes do jornal satírico “Charlie Hebdo” causaram destruição e deixaram milhares de pessoas desamparadas no Níger. Aproximadamente 10 cristãos já foram assassinados e mais de 20 igrejas foram depredadas / incendiadas por extremistas islâmicos, desde a última sexta-feira.

Entre os afetados por tanta violência, estão os missionários Alexandre e Giovana Canhoni (Ministério Guerreiros de Deus), que tiveram sua casa e base missionária completamente destruídos, conforme noticiado anteriormente pelo Guiame.

No último domingo, o missionário enviou um email à psicóloga cristã, Marisa Lobo, dando novas informações sobre a situação dele, de sua família e do Ministério.

Confira a mensagem, na íntegra, logo abaixo:

Cara Marisa Lobo precisamos da sua ajuda e dos brasileiros com urgência. Trabalhamos no Níger há muitos anos, temos crianças a nossa guarda.

Temos cerca de 17 filhos “adotados”, e cuidamos deles. No projeto são mais 1.200 pratos de comida por dia. Trabalhamos com crianças em situação de risco.

Geladeira, fogão e outros utensílios destruídos na base missionária

Geladeira, fogão e outros utensílios destruídos na base missionária

Precisamos de ajuda, fomos atacados ontem de manhã, dia 17/01, por volta das 13 horas em nossa base e casa. Saímos cerca de 3 a 5 minutos antes deles chegarem. Fugimos sem saber para onde iríamos. Eles quebraram tudo, jogaram fogo, destruíram todas as nossas coisas e também as coisas da base. Não temos como voltar para casa, nossos filhos, foram dispersos cada um para casa de um amigo diferente, onde estão até agora. Todos estamos muito assustados. Uma multidão com paus, porretes, facões estava em fúria.

Não podemos sair daqui agora e deixar nossos filhos, estamos com uma equipe, que são no total, sete brasileiros. Tem outros brasileiros no país, mais ninguém foi atingido.

Creio que precisaremos de passagens para as meninas. Precisaremos se possível de ajuda financeira para comprar janelas, portas e coisas para nossa casa, como geladeiras, fogões, colchões… Tudo foi queimado: panelas, pratos, copos, mobílias. Estamos sem água e sem luz. Fugimos com a roupa do corpo.

Agora está tudo mais calmo no país (aparentemente). Preciso reforçar a nossa segurança (e de nossos filhos) com grades.

Peço ajuda e socorro.

Grato

Alexandre Canhoni - www.guerreirosdedeus.com.br 

Para ajudar estes missionários financeiramente, é possível fazer depósitos nas contas:

Banco Bradesco 
Ag: 0095 
Conta: 0126319-6

Banco Itaú 
Ag: 6375 
Conta 01630-7

Conta na África: 
ÁFRICA – NIAMEY:
ECOBANK NIGER (Agence Plateau)

NIAMEY (cidade) – NIGER (país) 
END BANCO: BP 13804 
CODE SWIFT: ECOCNENIXXX
NOME CONTA: ASSOCIATION GUERREIROS DE DEUS 
BANQUE: H0095 
GUICHET: 01006 
N. COMPTE: 0060121605000801

CLE RIB: 15

Para entrar em contato com o casal, o email é: giovananiger@hotmail.com

Fonte: Guiam-Me

Após fim da dupla, Renner vai abandonar o sertanejo e gravar música gospel

Cantor Renner da dupla sertaneja "Rick e Renner"

Cantor Renner da dupla sertaneja “Rick e Renner”

Após deixar a clínica de reabilitação na qual estava internado após se envolver num acidente de carro sob efeito de bebidas alcoólicas, o cantor Renner afirma que irá mudar completamente sua vida, e que irá se dedicar à música gospel.

Renner diz que é evangélico desde 2010 (mas ninguém sabe de que igreja), quando rompeu pela primeira vez a dupla com Rick, e já teria chegado a gravar um CD voltado para mercado gospel, que nunca foi lançado.

Com informações de Gospel Mais (Leia a matéria completa).

COMENTÁRIO:

Quando o negócio começa a ficar ruim no meio secular muitos cantores migram para o gospel, mesmo sem compromisso algum com Deus.

Se realmente gravar o CD gospel, em pouco tempo Renner poderá  estar fazendo sucesso e vendendo muiiiiiiiiiiiiiiiiiiito.

Pastor Marcos Pereira é solto após STF anular sentença

Pastor Marcos Pereira

Pastor Marcos Pereira

O pastor Marcos Pereira, preso desde maio de 2013, teve o alvará de soltura assinado pela Justiça e foi libertado da prisão nesta quarta-feira (24) voltando para sua casa em São João do Meriti (RJ).

A notícia foi dada pelas redes sociais das cantoras que fazem parte da Igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias (ADUD), fundada por Pereira, como Milena Preta que postou fotos do alvará de soltura e uma imagem do religioso ao lado de sua filha, Nívea Silva, e de outras pessoas.

Pelo Instagram Nívea escreveu que a inocência de seu pai foi provada. “Foi provado a inocência do homem de Deus. Todas as acusações foram falsas. O STF decretou a anulação da sentença e o fim da prisão”.

Os membros da ADUD estão preparando uma superfesta para receber seu líder durante o culto de Natal que começa às 19h desta quarta. A cantora Kelen Rodrigues postou em seu Facebook que o culto acontecerá no Instituto Vida Renovada em Tinguá, aberto para todos que quiserem “abraçar” o pastor.

Entenda o caso

O pastor Marcos Pereira começou a ser investigado pela polícia após denúncias feitas por um pastor dissidente da ADUD e pelo coordenador do grupo AfroReggae que ligavam o religioso ao crime organizado do Rio.

Durante as investigações surgiram denúncias de que Pereira abusava sexualmente das fiéis da igreja e por conta de duas dessas acusações ele foi preso e condenado a 15 anos de prisão pela Justiça do Rio passando a cumprir pena no Complexo Prisional de Bangu 2. (Gospel Prime)

Bancada evangélica em Brasília sofre uma baixa

Deputado Federal Arolde de Oliveira (PSD/RJ)

Deputado Federal Arolde de Oliveira

A chamada ‘bancada evangélica’ na Câmara dos Deputados vai iniciar suas atividades em 2015 sem pelo menos um parlamentar na bancada.

O deputado federal Arolde de Oliveira (PSD/RJ) aceitou o convite do Governador do Rio de Janeiro, Luiz Pezão, para ser Secretário Estadual do Trabalho.

Resta saber se para o lugar de Arolde em Brasília irá um defensor dos princípios antagônicos aos cristãos e à família.

Vamos acompanhar.

Cultura da morte: por que bebês indígenas são assassinados em aldeias brasileiras?

hakaniNeste domingo (7) o Fantástico vai tratar de uma grande polêmica, que muita gente procura evitar.

Você consegue admitir a ideia de que se tire a vida de bebês só porque eles nasceram com alguma deficiência física ou mental?

Isso existe no Brasil.

Muita gente condena o infanticídio pois defende que o direito à vida está acima de qualquer tradição. Essa realidade é o tema da reportagem especial do Fantástico deste domingo. (G1)

COMENTÁRIO:

A respeito do assunto já foi feito o documentário Hakani que pode ser assistido nesse link.

‘Meu pequeno evangelho’: livro da Turma da Mônica com espiritismo para crianças

COMENTÁRIO:

A Bíblia diz em Provérbios 22:6 “Ensina a criança o caminho que deve andar e ainda quando for velho, não se desviará dele.”

É dever de cada seguidor de Cristo ensinar os seus filhos no Caminho do Senhor para não ser enganado pelo príncipe deste século.

Cuidado com as literaturas que seu filho lê!

Espírita, primo do pai de Cascão ensina aos personagens a doutrina de Allan Kardec

Turma-da-Monica-e-espiritismoA Turma da Mônica agora vai difundir os ensinamentos do espiritismo, doutrina codificada no século XIX pelo francês Allan Kardec. Mauricio de Sousa está lançando “Meu pequeno evangelho” (Editora Boa Nova), livro em que Cebolinha, Cascão, Magali, Anjinho, Penadinho e companhia aprendem os ensinamentos de Jesus contido no “Evangelho segundo o espiritismo”, principal obra do kardecismo. 

Nas 64 páginas da história ilustrada por Mauricio e idealizada pelo designer peruano Luis Hu Rivas e pelo administrador baiano Alã Mitchell, ambos espíritas, a Turma da Mônica recebe a visita de André, um primo de Seu Antenor, pai do Cascão, que é seguidor da religião.

Em meio à curiosidade das crianças, André apresenta conceitos do evangelho que todos podem usar no dia a dia, independentemente da religião que praticam. São mensagens de amor, caridade e humildade, contadas de forma divertida com os personagens.

Ensinamentos sobre felicidade, humildade, pureza, paz, misericórdia, amor, perdão etc. são passados um a um, sempre baseados em situações vividas pelos personagens e que são contadas a André.

O lançamento oficial, com a presença de Mauricio de Sousa, será 13 de dezembro, na livraria Cultura, em São Paulo. (Fonte: O Globo)