"Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas" disse JESUS......................."E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará”, disse JESUS

Aborto e homossexualismo: ex-ministro José Dirceu (PT) diz que quem dá guarida a certos ‘setores evangélicos’ presta desserviço à democracia

Dirceu critica tentativa de barrar o aborto e leis pró-homossexuais.

Mal assentou a poeira levantada por Gilberto Carvalho (homem forte do PT), Secretário Geral da Presidência da República, que teria sugerido no Fórum Social em Porto Alegre, em janeiro/2012, que o PT confronte as mensagens conservadoras pregadas pelos pastores evangélicos, outro petista surge com mais polêmica.

Em mensagem postada hoje (01/mar) em seu blog, o deputado cassado e ex-Ministro Chefe da Casa Civil José Dirceu (PT) – foto – criticou aqueles que politizaram o tema aborto em 2010, por ocasião da eleição presidencial e também, em 2011, o kit gay, proposto pelo MEC sob a gestão de Fernando Haddad, atual candidato do PT à Prefeitura de São Paulo.

Para Dirceu, o ex-Ministro da Educação está certo quando taxou de “torpe” a maneira como as discussões em torno do tema ‘kit gay’ foram encaminhadas e aproveitadas politicamente.

“Haddad ressaltou que o kit anti-homofobia surgiu de uma demanda de emenda parlamentar. Ainda assim, devido às críticas da bancada evangélica contra a distribuição do material nas escolas, a iniciativa foi suspensa. Segundo o ex-ministro, no entanto, o kit foi usado em cursos de formação de professores”, escreveu o ex-Chefe da Casa Civil.

José Dirceu destacou que não se deve recuar ante ao que chamou de “violência” e “chantagem” de certos setores evangélicos que querem patrulhar todas as políticas públicas com relação às questões do aborto e da homossexualidade.

Para Dirceu, esses grupos evangélicos querem impor ao Brasil uma visão preconceituosa e repressiva e aqueles que lhes dão guarida, prestam um desserviço à democracia e à convivência social.

Mesmo sem ocupar um cargo no legislativo ou executivo, José Dirceu é um dos homens mais fortes dentro do PT, com muita influência.

Aproveitando sua força dentro do PT, José Dirceu tem sido cortejado por algumas pessoas. Foi o que ocorreu recentemente, quando ele recebeu uma carta (por e-mail) assinada por Toni Reis, presidente da ABGLT, tecendo-lhe elogios por sua luta em prol dos ideais dos LGBT e conclamando-o a continuar sua lutar pela agenda LGBT.

Um dos trechos da carta escrita por Reis, diz:

“Estamos realmente preocupados com o rumo que está tomando a discussão sobre os direitos das pessoas LGBT no Brasil, particularmente no último ano no executivo e legislativo:

-o projeto de criminalização da homofobia está parado no Congresso Nacional.

-houve um veto explícito do material educativo do projeto Escola sem Homofobia, do Ministério da Educação, pela própria presidenta Dilma.

-houve, agora, um veto/censura à campanha de prevenção de Aids no Carnaval, segundo consta, novamente determinado pela presidenta Dilma.

Estes são apenas três exemplos de retrocesso na caminhada pela garantia da igualdade entre todas as pessoas, no combate à violência, ao preconceito, à discriminação.

Como diria nosso querido Lula: “nunca antes neste país” o governo federal foi tão pautado por posições das bancadas religiosas fundamentalistas, que não têm compromisso com os direitos humanos”.

 

COMENTÁRIO:

A candidatura Haddad (foto) – proposta por Lula – receberá uma enxurrada de críticas. O ex-Ministro da Educação tem muitas explicações a dar à sociedade brasileira sobre fatos que ocorreram no MEC durante sua gestão, a saber:

-os diversos problemas ocorridos durante a aplicação das provas do ENEM;

os livros de Língua Portuguesa distribuídos pelo MEC que ensinavam as crianças a falarem errado;

os livros distribuídos pelo MEC com vários erros de matemática;

as máquinas de preservativos colocadas em várias escolas públicas do Brasil;

o kit gay  que seria distribuído às crianças de escolas públicas.

Ao dizer que setores evangélicos colocam em risco a democracia, o ex-deputado cassado José Dirceu blefa e provoca os evangélicos.

Porventura, opor-se ao assassinato de bebês em gestação é um risco à democracia?

Ser contrário a leis que privilegiam alguns cidadãos em detrimento de outros, como é o caso das propostas dos ativistas gays, é colocar em risco a democracia?

É risco à democracia, o combate à distribuição do kit pró-homossexualismo do MEC para crianças de escolas públicas?

Na verdade, a preocupação de Dirceu é que seu candidato Haddad está em um beco sem saída. Quando ele tenta mostrar-se contra o ‘kit gay do MEC’ para tentar convencer alguns desavisados, recebe pedras do ativismo gay. Quando ele se mostra favorável ao ‘kit gay do MEC’, recebe uma saraivada de críticas de vários setores da sociedade.

Será que os petistas pensaram que usariam os cristãos para chegarem ao poder e depois os atropelaria para enfim implantar seus ideais?

A propósito, já é sabido que Haddad anda querendo aproximar-se de líderes evangélicos em São Paulo para tentar explicar o inexplicável, o kit gay. Espera-se que nenhum líder caia na conversa dele. Estamos de olhos bem abertos.

Holofote neles!

Sob a égide Deus, o Brasil não sucumbirá.

“Feliz é a Nação cujo Deus é o Senhor”.

Fonte: Holofote.Net

Comente via Facebook

24 Responses to Aborto e homossexualismo: ex-ministro José Dirceu (PT) diz que quem dá guarida a certos ‘setores evangélicos’ presta desserviço à democracia

  1. […] >>> Aborto e homossexualismo: ex-ministro José Dirceu (PT) diz que quem dá guarida a certos ‘setores… […]

  2. […] Isto foi propositadamente e é explicável. Em 2012, o homem do PT ao fazer alusão ao aborto e homossexualismo disse que quem dá guarida a certos ‘setores evangélicos’ presta desse…, uma crítica aos cristãos que combatem estas práticas condenadas pela […]

  3. […] >>> Aborto e homossexualismo: ex-ministro José Dirceu (PT) diz que quem dá guarida a certos ‘setores… […]

  4. […] >>> Ex-ministro José Dirceu (PT) diz que quem dá guarida a certos ‘setores evangélicos’ presta de… […]

  5. luiz disse:

    não se esqueçam do caso mensalão
    caso pelo qual o cassaram

  6. […] -Aborto e homossexualismo: ex-ministro José Dirceu (PT) abre fogo contra evangélicos […]

  7. silvestre disse:

    Se saber não sei sera que não estão usando bilbia palavra gay homosexualidade para ficarem famosos tem um pregador que ja esta ficando famoso suas fotos ja estão aparecendo em quase todos site quando ele se candidatar ja esta famoso eu conheci um homeme que na religião dele não podia usar bermuda então ele dizia mais é rediculo homeme usar bermuda é feio quando ele abandou a religião ja pra ele não ficou mais rediculo usar bermuda um outro homeme falava muito em biblia e sultava os outros igual ecriba no decorrer dos tempos ele ficou famoso e se candidatou
    Eu defendo todos que não faz mal aniguem e que falem com sentimento puro aja com sentimento puro sem santagem

  8. Aliás, camisinha é papo de gente grande. Chega de conhecimento desnecessário pras nossas crianças

  9. Concordo com o cancelamento da campanha de prevenção à AIDS. Esse tipo de conteúdo não tem lugar em horário nobre na televisão. E a AIDS é uma das peças que o big farma pregou na população pra poder vender seus coquetéis assassinos.

  10. Com toda razão. Concordo com José Dirceu. Parabéns pra ele. A maioria igrejas denominadas evangélicas no Brasil pregam um evangelho que nada tem haver com a Doutrina Cristã, pregada por Jesus Cristo e seus Apóstolos.

    • Marcos disse:

      Concordar com o chefão do mensalão pestista? Que afirma que evangélicos são chantagistas e promotores de violência, apenas por divergirem sobre aborto, drogas e casamento entre homossexuais? Não tem imposição de religião nada, isso é forma do ativismo atacar e impor a ideologia homossexual sobre as pessoas. Como tem evanjegue orelhudo por aí.

  11. Pedro Lobo disse:

    Uma correção: Gilberto Carvalho NÃO “teria dito”, como está escrito no inicio da dota em que Ze Dirceu volta a atacar o povo evangélico. Gilberto carvalho DISSE QUE É PRECISO ACABAR COM LIDERANÇAS EVANGÉLICAS. O PT quer controlar todos os brasileiros. Ze Dirceu e cia são seguidores de Stalin.

  12. Leandro disse:

    Nesse aspecto,concordo plenamente com o ex ministro José Dirceu.Querem tranformar o Brasil em um país teocrata,impor religião e dogmas.Acho isso extramente perigoso.Tem gente aí achando que o voto evangélico decide eleição,que não é bom contrariar o interesse desse segmento e diante disto,eu lanço um desafio: elejam o candidato Chalita,assumidamente cristão,do partido PMDB, a prefeito de SP.Quero ver a força eleitoral de alguns de vcs.Serra lidera e ,dependendo do cenário, já venceria em 1º turno.O Serra é contra o casamento gay,mas é a favor do união estável de pessoas do mesmo sexo.Pronto!Vcs já tem motivo pra não votar no candidato do PSDB e concentrar forças no Chalita.E diga-se de passagem,parece que a Dilma pensa da mesma maneira que o Serra.
    É uma ótima chance para se testar a força do povo que valoriza a família…Façam campanha,elejam o Gabriel Chalita pra prefeito de SP.O Serra lidera e com folga.

  13. Deivid disse:

    e outra quer ibope porque esta ali no cantinho kkkkkkkk vai catar coquinhos Jose dirceu mas nao mata o coqueiro ok? kkkk

  14. Deivid disse:

    Apenas mais um lobista kaketo cara de concha!!!!!! kkk

  15. Robson Sousa disse:

    Falar de Jé Dirceu,já é um problema,eu gostária de ver se a mãe dele contasse para ele que ela tinha tentado o aborto dele mas não deu certo,ai ele iria sentir o que um bebe sente,antes de morrer.

  16. Celso Brasil disse:

    O único risco a democracia é o PT e seus seguidores. Esta seita precisa ser eliminada.

  17. Caro Editor do BLog Holofote;.net, está escrito no final:
    “Sob a égide Deus, o Brasil não sucumbirá.

    “Feliz é a Nação cujo deus é o Senhor”.ç
    OI certo é:
    “Sob a égide de Deus, o Brasil não sucumbirá.

    “Feliz é a Nação cujo Deus é o Senhor.”
    Senore o nome de Deus deve ser escrito com D maiúsculo.
    Atenciosamenrte, Carlos Henrique.

  18. Laura disse:

    “Porventura, opor-se ao assassinato de bebês em gestação é um risco à democracia?”
    Desculpem-me, mas vocês deveriam se opor é à desassistência que as milhares de mulheres vítimas fatais de abortos clandestinos sofrem, enquanto as riquinhas têm clínicas a que recorrer, sem que se diga nada à respeito dessa hipocrisia…
    Ninguém é a favor do aborto, nenhuma mulher gostaria de passar por essa situação que deixa sequelas. O que não podemos é criminalizar mulheres vítimas da falta de educação sexual, vítimas de homens que não reconhecem seu papel na procriação e largam as mulheres para criarem os filhos sozinhos e que MORREM diariamente pelo abandono e HIPOCRISIA dessa sociedade que prega o “amor” ao próximo.

    • papista disse:

      a ministra menecucci é a favor do aborto NÃO SO DA LEGALIZAÇÃO UO DA DESCRIMINALIZAÇÃO

      ele pegou sua mao e usou ela pra matar os fetos por meio de sucção na colombia

      ele diz q TODAS as mulheres deveria saber com usar suas maos pra matar fetos por meio de sucção

      ele diz q nem PRECISARIA SER MEDICA pra mulher matar o feto com suas maos

      uma mulher q concorda com, a morte de dois de seus filhos

      e q decide junto com seu partido MARXISTA E GUERRILHEIRO q um feto não tem direito a viver

      ela é a favor do aborto sim

    • Carlos Henrique disse:

      Cara Laura, o aborto em t odo e qualquer caso é um assassinato. O que se deve ser feito não é descriminalizar o aborto ou permiti-lo. Isso não é dar assistência. O que se deve é fechar toda clínica de aborto seja clandestina ou não.
      Dizer que ninguém é a favor ao aborto, que nenhuma mulher gostaria de passar por essa situação, e depois ficar favorável a descriminalização do aborto e praticar o aborto é agir com hipocrisia. Oras quem não é favorável ao aborto e nem quer passar por essa situaço não somente condena o aborto, como defende que o aborto deve ser crime sim, como também se recusa, seja lá por qual motivo for, a fazer o aborto. Se faz o aborto, é porquê na prática gosta, sim, de fazer o aborto. Ninguém faz aquilo que não gosta. Se uma mulher cometeu aborto deve sim ser punida pela lei, deve ser presa por ter tirado uma vida. Tanto o homem que estupra como a mulher que aborta devem serem punidos severamente pela lei.
      O aborto é muito pior do que o estupro, pois o aborto é um atentado contra um ser humano que está dentro do ventre da sua mãem e que não têm como se defender contra às guarras criminosas e monstruosas dos aborteiros. E quem defende ou faz apologia ao aborto é tão criminoso como quem o prtacia. Quem estupra e quem aborta, deve ambos irem para a cadeia, pois ambos são criminosos.
      E, quem ama verdadeiramente ao seu próximo não pratica o aborto. Agora quem pratica o aborto, ou defende, ou faz apologia ao aborto têm por pai ao diabo, e está a serviço do diabo e não ama ao seu próximo mas o odeia.
      E a sociedade não é culpada pelos males de ninguém. Esse negócio de querer colocar a culpa na sociedade e/ou dizer que a sociedade é culpada é a prova inconteste de mentes criminosas que não querem se responsabilizarem pelas suas próprias atitudes. Cada um colhe o que planta. Se alguém colhe tempestade é porquê plantou ventos,m e portanto, a sociedade não é culpada de nada. Se a senhora quer culpar a alguém por suas desventuras culpe a si mesma. Deveria ser crime ficar culpando a sociedade pelos males que lhe advém. O culpado por qualquer coisa que me aconteça sou eu mesmo. O culpado pelos males que advém a cada homem e a cada mulher é o próprio homem ou a própria mulher. Cada um é culpado pelas suas próprias desventuras e pelos próprios males que lhes advém. A sociedade não têm culpa de nada. E ponto final.

  19. O Zé Dirceu é um elemento de moral duvidosa, aliás bem como toda a turma do PT. Infelizmente muitos evangélicos paragam para ver apoiando o PT de Lula e Dilma, agora tem que engolir toda a sorte de ataques dessa gente que quer fazer do Brasil um paraíso para a imoralidade. Holofote neles, não só no PT, mas também nos EVANGÉLICOS que os apoiam.

  20. netto disse:

    talvez seja uma vingança dele naquele episódio ainda antes da Dilma se eleger, qdo. os evangélicos pressionaram o PT para não aprovar o kit-gay senão eles mirariam no JD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

JESUS