Deputado diz que maioria dos cristãos brasileiros defende direito dos gays

jean wyllys 295 x 245

 

O deputado e ex-BBB Jean Wyllys, um dos autores da proposta de emenda à Constituição que legaliza o casamento gay explica as dificuldades e avanços alcançados nas esferas mais altas do poder.

Para ele, as ações do Legislativo vão a passos lentos. Wyllys enfatizou que o casamento gay já vem acontecendo mediante o judiciário em vários estados do Brasil.

“Só no Congresso Nacional é que o assunto não vai adiante. Então, posso dizer que não é um problema da sociedade, mas de um Legislativo conservador”, ressaltou o ex-BBB.

De acordo com o deputado gay, “a maioria dos cristãos desse país são a favor dos direitos humanos, não tem nada contra estender os direitos civis aos homossexuais. Mas há um grupo de intolerantes, fanáticos e fundamentalistas que vêm negando esses direitos, vêm insultando e promovendo a intolerância. Ela não é velada, é bem explícita”.

Deputado Jean Wyllys, um dos autores da proposta de emenda à Constituição que legaliza o casamento entre pessoas do mesmo sexo explica as dificuldades e avanços alcançados nas esferas mais altas do poder: “As ações do Legislativo vão a passos lentos, mas o judiciário já tem feito bastante. O casamento civil já vem acontecendo mediante o judiciário em vários estados do Brasil. Só no Congresso Nacional é que o assunto não vai adiante. Então, posso dizer que não é um problema da sociedade, mas de um Legislativo conservador”.

Segundo o deputado, “a maioria dos cristãos desse país são a favor dos direitos humanos, não tem nada contra estender os direitos civis aos homossexuais. Mas há um grupo de intolerantes, fanáticos e fundamentalistas que vêm negando esses direitos, vêm insultando e promovendo a intolerância. Ela não é velada, é bem explícita”.

Com informações de G1

COMENTÁRIO:

Desde que chegou à Câmara dos Deputados, no início de 2011, o ex-BBB tem utilizado palavreados bem ásperos para referir-se aos cristãos brasileiros, católicos e evangélicos ( abaixo há alguns artigos que mostram a rispidez dele aos cristãos).

Como sua principal bandeira é a agenda gay (como se a sociedade brasileira fosse formada só por gays), Wyllys tem ficado furioso pelo fato dos cristãos oporem-se aos anseios do ativismo homossexual.

O ‘grupo de intolerantes, fanáticos e fundamentalistas‘ a quem Jean Wyllys se refere são os cristãos que entendem ser a prática homossexual um pecado, conforme afirma a Bíblia. A maioria esmagadora dos seguidores de Cristo entendem assim.