Crise na Síria tem levado muçulmanos a buscarem o socorro em Cristo

síria

ONU diz que Síria está em guerra civil; mortos passam de 4 mil.

As Nações Unidas recentemente consideraram “crimes contra a humanidade”, a tática do presidente Bashar al-Assad de oprimir os manifestantes opositores a seu governo.

As investigações mostraram que Assad ordenou a tortura e  o assassinato de cidadãos, incluindo crianças.

As alegações da ONU vieram dias após a decisão da Liga Árabe de suspender a Síria e prosseguir com a sanções contra o país.

Assad está sob forte pressão internacional, mas  é difícil dizer se a pressão está fazendo diferença.